sexta-feira, 29 de março de 2013

Um sorriso muda tudo

Segunda-feira começou com algumas novidades. Consegui realizar mais uma coisinha da minha "Lista de sonhos de 2013". Sim, sonhos. Porque eu não faço mais planos depois que descobri que sou tão ansiosa que já planejo minha vida para os próximos 30 anos, no mínimo. Depois de quebrar um pouco a cara com todos os planos não realizados e expectativas frustradas, resolvi mudar o foco e viver um dia de cada vez!

No final de 2012, escrevi todos os sonhos que teria que correr atrás em 2013. Alguns posso falar e já consegui realizar: voltar para o inglês, ler dois livros por mês, ter sábados sabáticos e, o último, começar a academia. Foi isso que aconteceu na segunda-feira. E o que um sorriso tem com isso? Tudo. Simplesmente tudo. Porque não é fácil acordar cedo, deixar a preguiça de lado, ir para a academia, treinar por mais de uma hora e depois se arrumar para ir trabalhar. Sair do trabalho e duas vezes por semana ir para o inglês. Após estudar e exercitar a mente, chegar em casa arrumar tudo e fazer uma comidinha gostosa. Nada disso é fácil, mas se eu resolver encarar todas as responsabilidades e desejos com um sorriso no rosto, tenho certeza que o fardo será mais leve. "Se o que eu sou é também o que escolhi ser, aceito a condição".

No meu aniversário decidi que meu lema seria diferente esse ano: "Sorrir mais, soltar gargalhadas. Deixar para trás o que me entristece". A vida dá muitas voltas, é cheia de altos e baixos, sou repleta de responsabilidadea em casa, na rua, no trabalho, na escola... Saber lidar com tudo isso de uma forma sadia é o que fará a diferença em 2013.

Desafios, possibilidades, sonhos de 2013: continuem surgindo. Encaro tudo com um sorriso :)

*Texto de hoje inspirado nesse post da querida Sam Shiraishi que alegrou minha segunda-feira e reforçou o lema de que é preciso sorrir mais, dar mais gargalhadas, mesmo sem motivo aparente:

6 comentários:

Álex Mateus de Jesus disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Álex Mateus de Jesus disse...

Eu sorri agora :D

Sara disse...

Sorrir é sempre bom, Alex :)

Julio Melo disse...

Oi Sara.

Tudo bem? Espero que sim...
Eu estou bem, graças a Deus.

Bons tempos de blog... as vezes tenho saudade, lembrei até do "buraco da fechadura".

Vou usar palavras suas do seu último post no zipnet: "O lar não será mais o mesmo. Nem o real, nem o virtual. Porque, afinal, tudo na vida muda. As palavras, os fatos, os atos, os sonhos". #issomudaomundo

Então é isso, espero que esteja tudo bem...

Voltarei mais vezes.

Um abraço.

Andre Martin disse...


Sara:


Interessante.
Ao ler seu post, lembrei-me da canção de Charles Chaplin, Smile, que esqueci até de mencionar lá no meu, como um possível "fundo musical", que poderia se aplicar para ambos os posts. rs

A melodia é tocante, e a versão cantada tem vários intérpretes,
como esta com Michel Jackson
http://letras.mus.br/michael-jackson/73211/#traducao

ou esta, também bem vertida, com Djavan:
http://letras.mus.br/djavan/45551/

Para ouvi-las no youtube, clique no play do link sugerido ao lado das letras, nas páginas indicadas acima.


Sara disse...

Olá Júlio! Que bom te ver aqui :)
Está tudo bem, sim! Nem lembrava mais desse post meu, mas que legal reler.
Apareça mais vezes. Escrevo bem menos do que antes, mas blogar virou meio terapêutico agora.
Beijos!